Concurso oferta 38 vagas em cargos de Nível Médio e Superior.

Divulgado o edital do Conselho Regional dos Representantes Comerciais do Estado de Pernambuco (CORE-PE) com 38 vagas e remuneração que pode chegar a mais de R$ 5 mil. As inscrições para o concurso CORE-PE já estão abertas, por isso, que tal aproveitar a oportunidade e intensificar ainda mais os seus estudos?

Concurso CORE-PE: inscrições

As inscrições para o concurso CORE-PE já estão abertas e o prazo permanece apenas até o dia 24 de dezembro. O valor da inscrição para técnico de nível médio é R$ 15,00 e para superior o valor corresponde a R$ 16,00.

A banca responsável pelo certame é a INAZ do Pará e as inscrições podem ser feitas por meio do link: http://paconcursos.com.br/v1.

Oportunidades do concurso CORE-PE

O certame oferece um total de 38 vagas, sendo 8 para provimento imediato e o restante para cadastro reserva. Os aprovados no concurso serão lotados em Recife e Caruaru. Para nível médio, tem oportunidade para o cargo de auxiliar administrativo, que conta com 5 vagas e 18 cadastro reserva.

Outra oportunidade para nível médio, é para a função de fiscal, que conta com 1 vaga e 4 para cadastro reserva. O interessado também deve ter carteira nacional de habilitação de, pelo menos, categoria B. A remuneração inicial corresponde a R$ 1.879,12.

Em relação ao nível superior, tem oportunidade para o cargo de assistente jurídico, sendo uma vaga e 4 de cadastro reserva. Também há 1 vaga e 4 para cadastro reserva para o cargo de contador. A remuneração inicial na carreira corresponde a R$ 5.100,47.

Concurso CORE-PE: provas

O concurso CORE-PE será composto por meio de provas objetivas, que terão caráter eliminatório e também classificatório. A prova vai abordar disciplinas como português, raciocínio lógico, informática e também conhecimentos específicos, que mudam de acordo com o cargo.

As provas serão aplicadas, na data prevista, em Recife no dia 24 de fevereiro, sendo que os locais e horários ainda serão divulgados, por isso, os interessados devem ficar atentos. Para nível superior, além das provas objetivas, também terá prova de redação.

Para nível superior, a prova objetiva terá 10 questões de português e 10 de informática com peso 1, e 30 de conhecimentos específicos, que terão peso 2. Nível médio, será 10 questões de português ( peso 1), 5 questões de raciocínio lógico ( peso 1), 5 informática (peso 1) e 20 de conhecimentos específicos ( peso 2).

Dicas de estudo para o concurso CORE-PE

O interessado deve fazer um planejamento de estudo de acordo com o edital publicado, que pode ser acessado por meio do link: http://paconcursos.com.br/v1/wp-content/uploads/2018/11/EDITAL-001-2018.pdf.

O documento deve ser lido com atenção, sobretudo as disciplinas, peso de cada conteúdo, data das provas e prazo de inscrição. Não deixe para fazer o pagamento da taxa no último dia do prazo.

Organize a sua rotina e monte um cronograma de estudo. Para isso, organize as suas prioridades do dia a dia como trabalho, faculdade, ou outros compromissos.

Defina o seu horário de estudo, para distribuir as disciplinas. Priorize os conteúdos que tenham um prazo e um peso maior.

Lembre-se de que todo esforço será recompensado. Portanto, aproveite o tempo livre dos fins de semana e feriado para estudar, revisar algum conteúdo ou fazer ainda mais exercício.

Ao estudar mantenha-se concentrado e não perca tempo com redes sociais ou aplicativos de celular. Mantenha o seu foco e procure estudar com vontade para absorver o conteúdo e reter o aprendizado.

Procure manter uma alimentação saudável e não abra mão de fazer atividade física. A grana está curta? Invista em uma caminhada, por exemplo.

Estude para o concurso CORE-PE por meio de livros e apostilas atualizadas com o edital. Cuidado para não comprar livros antigos ou desatualizados.

Compartilhe a notícia nas suas mídias sociais e muito sucesso nos seus estudos!

Por Babi

Concurso


Concurso da Polícia Militar de Pernambuco oferta 500 vagas para o cargo de Soldado.

Aqueles que desejam seguir a carreira pública na área de segurança podem saber aqui sobre uma ótima oportunidade. O governo do estado de Pernambuco, por meio da Secretaria de Defesa Social informa que estão abertas as inscrições para o próximo concurso público da Polícia Militar (PM PE) que visa preencher 500 vagas para o posto de Soldado. O edital foi lançado em 8 de junho (sexta-feira). Veja outros detalhes do certame na matéria que segue abaixo.

Sobre as inscrições no processo seletivo da PM PE

Para você se cadastrar no certame é necessário acessar o portal do Instituto de Apoio à Universidade de Pernambuco (IAUPE) www.upenet.com.br, banca organizadora do processo seletivo, preencher o formulário de inscrição e efetuar o pagamento da taxa que custa R$ 135. O boleto pode ser quitado em qualquer agência bancária, casa lotérica ou ainda pelo internet banking.

Caso você seja de família com baixa renda e possua registro no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) poderá solicitar isenção do pagamento.

O prazo de inscrição começou em 10 de junho (domingo) e se estenderá até o dia 16 de julho (segunda-feira). A data limite para pagamento dos custos com inscrição é no dia 18 de julho (quarta-feira).

Sobre as oportunidades anunciadas no edital da PM de Pernambuco

O edital prevê que sejam contratados 500 profissionais com escolaridade de nível médio para o posto de Soldado da Polícia Militar. Aqueles que forem aprovados no curso de formação vão receber o salário no valor de R$ 2,8 mil e ainda terão direito aos benefícios como vale-refeição e gratificação de risco, totalizando o montante de R$ 3,5 mil.

Com a progressão da carreira e após o período de estágio probatório, o Soldado receberá o valor de R$ 3,9 mil.

Sobre os requisitos para tomar posse

Os principais requisitos exigidos são: possuir no mínimo 18 anos de idade, estar em pleno gozo dos direitos políticos, estar quite com as obrigações da justiça militar, ser brasileiro, não ter antecedentes criminais, possuir aptidão física e mental, possuir carteira nacional de habilitação (CNH) de categoria B, estar em dia com as obrigações militares, caso seja do sexo masculino, ter altura de no mínimo 1,60 m se for mulher e 1,60 m se for homem.

Sobre as atribuições do Soldado

Quando assumir como Soldado, você será responsável pelas seguintes atividades: atender a ocorrências, fazer policiamento, controlar distúrbios civis, restabelecer ordem pública, prezar pela preservação da integridade dos bens e recursos, entre outras tarefas.

Sobre as etapas do concurso público da Polícia Militar do estado de Pernambuco

O processo seletivo será composto das seguintes fases: 1) prova objetiva – prevista para o dia 26 de agosto (domingo); 2) exames médicos – dentre eles: teste audiométrico, exame toxicológico, ortopédico, odontológico, neurológico, ginecológico, entre outros; 3) teste de aptidão física – no qual os concorrentes farão exercícios de natação, salto em distância, flexão de barra, corrida de 2,4 mil metros e de flexão abdominal; 4) avaliação psicológica – de caráter eliminatório e 5) curso de formação e habilitação de praças – com duração de 6 meses.

Na prova de múltipla escolha, os candidatos devem responder a 60 quesitos em 4 horas de prova e ainda realizarem a marcação do cartão de respostas, pois não será incluído tempo adicional.

As cidades nas quais serão aplicadas as provas dessa etapa são: Garanhuns, Nazaré da Mata, Petrolina, Caruaru, Arcoverde, além da capital do estado, Recife e Região Metropolitana.

O curso de formação será ministrado na cidade de Jaboatão dos Guararapes. Durante o curso, os alunos terão direito de receber uma bolsa mensal no valor de R$ 1,1 mil.

Para saber mais informações do edital, acesse o site do IAUPE www.upenet.com.br.

Por Melisse V.


Certame oferta 63 vagas de emprego e recebe inscrições dos interessados até o dia 4 de junho.

Se você estuda para ser aprovado em concurso público, fique sabendo aqui a respeito de uma ótima oportunidade na região Nordeste do país. Na terça-feira, 24 de abril a Companhia Pernambucana de Saneamento (COMPESA) publicou o edital do seu próximo certame que visa prover 63 vagas para profissionais com escolaridade de nível médio, técnico e superior. A remuneração oferecida é de até R$ 6,7 mil. Confira mais detalhes do edital na matéria a seguir.

Quais são as vagas disponíveis na COMPESA?

Se você possui ensino médio completo poderá se inscrever para o cargo de assistente de saneamento e gestão da área de assistente de gestão e serviços comerciais. O valor do salário é de R$ 1,4 mil.

Há outras especialidades disponíveis para esse mesmo cargo, mas o principal requisito é possuir curso técnico nas seguintes áreas de atuação: contabilidade, edificações, topografia, desenho técnico e mecânica. Nesse caso, o vencimento a ser percebido é de R$ 2,1 mil.

Quem tem graduação completa nas seguintes engenharias: eletrônica, civil, cartográfica, eletrotécnica e química – poderá se candidatar ao cargo de analista de saneamento e receber R$ 6,7 mil.

Aqueles com formação superior em enfermagem do trabalho, administração, gestão de pessoas e tecnologia da informação poderão se cadastrar para a função de analista de gestão. A remuneração é de R$ 6,1 mil. A carga horária por mês de trabalho é de 200 horas.

No total, são 63 chances, das quais 24 são para nível superior e 39 para médio ou técnico. Além dessas vagas, haverá formação de cadastro reserva que visa preencher as vagas que possam surgir durante o período de 1 ano, que corresponde ao prazo de validade do concurso. Esse período poderá sofrer alteração, sendo prorrogado por mais um ano, a contar da data de homologação e a critério da companhia.

Os locais de trabalho informados no edital são os seguintes municípios: Garanhuns, Vitória de Santo Antão, Petrolina, Paudalho, Caruaru, Gravatá, Salgueiro, Serra Talhada, além da capital do estado de Pernambuco, Recife.

Há oportunidades reservadas para portadores de necessidades especiais (PNE).

Quem for aprovado será contratado no regime da Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT). Além disso, terão direito a benefícios, tais como: participação nos resultados, auxílio educação, plano de saúde e odontológico, previdência privada, progressão de carreira, vale alimentação ou refeição, entre outros.

Como posso me inscrever no concurso da COMPESA?

Para se cadastrar no processo seletivo da COMPESA você deve acessar o site fgvprojetos.fgv.br/concursos/compesa2018 e preencher o formulário com seus dados pessoais. Lembre-se de imprimir o boleto para pagamento.

As inscrições começam a partir de 30 de abril (segunda-feira) e ficam abertas até o dia 4 de junho (segunda-feira). O pagamento da taxa pode ser efetuado até o dia 6 de junho (quarta-feira). O valor das taxas vai de R$ 69 até R$ 89,79.

Quem é inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (Cad Único) pode solicitar isenção até o dia 3 de maio (quinta-feira). O resultado com a listagem daqueles que foram contemplados com a isenção será divulgado no dia 21 de maio (segunda-feira).

A banca escolhida para organizar o certame da Companhia Pernambucana de Saneamento é a Fundação Getúlio Vargas (FGV).

Sobre o processo seletivo da COMPESA

A seleção será composta de etapa única: prova objetiva a ser aplicada em 33 de julho (domingo). No turno matutino, os candidatos aos cargos de Analista de Saneamento e Analista de Gestão farão a prova de múltipla escolha com 70 quesitos. Já os concorrentes a exercerem a função de assistente de saneamento responderão a 60 questões na prova. Durante o tempo disponível da avaliação, os candidatos devem também preencher o cartão de resposta, pois não haverá adição de tempo extra.

Veja mais informações aqui fgvprojetos.fgv.br/concursos/compesa2018.

Por Melisse V.


Concurso visa preencher 104 vagas de emprego em diversos cargos.

Está oficialmente em andamento o concurso público do Conselho Regional de Farmácia do Estado de Pernambuco (CRF/PE) após a publicação do edital de abertura nº 001/2018. O certame tem como principal objetivo o preenchimento de vagas para cargos de níveis médio/técnico e superior. Além de 21 vagas para preenchimento imediato, o concurso também dispõe de outras 83 vagas destinadas a formação de cadastro de reserva. Confira mais informações na continuação desta matéria.

Vale destacar que haverá reserva de vagas tanto para pessoas com deficiência como para candidatos autodeclarados negros. Em relação ao número total de vagas imediatas, bem como aquelas que vierem a surgir, 5% serão destinadas a pessoas com deficiência e outras 20% serão reservadas para candidatos negros.

Ao candidato que optar pela modalidade de pessoas com deficiência, fique atento: é necessário enviar laudo médico atestando a espécie e o grau/nível de deficiência. Todas as informações referentes a este procedimento estão disponíveis no subitem 3.2 do edital oficial de abertura. Já os candidatos negros, basta apenas se declarar negro no ato da inscrição e optar pelo sistema de cotas raciais, sendo que em caso de constatação de declaração falsa o candidato poderá ser eliminado do certame. Todas as informações sobre cotas raciais estão no item 4 do edital oficial de abertura.

Além disso, saiba também que as oportunidades deste certame são para lotação nas cidades de Recife, Caruaru, Petrolina e Serra Talhada.

Confira abaixo os cargos disponíveis neste certame:

· Assistente Administrativo Financeiro (nível médio/técnico);

· Assistente Administrativo Gestão de Pessoas (nível médio/técnico);

· Assistente Administrativo Operacional (nível médio);

· Analista – Administrador (nível superior);

· Analista – Gestão de Pessoas (nível superior);

· Advogado (nível superior);

· Farmacêutico Fiscal (nível superior).

A remuneração inicial dos futuros contratados pode chegar a R$ 5.553,47 além de vale-alimentação e transporte. A jornada de trabalho será de 40 horas semanais para todos os cargos.

Inscrição

O período de inscrições já está em andamento e seu encerramento está previsto para o dia 28 de fevereiro de 2018, segundo destaca o edital oficial de abertura. Um detalhe muito importante é que a inscrição deverá ser efetuada por meio exclusivo da internet. Sendo assim, os interessados deverão acessar o site oficial Inaz do Pará, instituição responsável pela organização e execução do certame, através do link paconcursos.com.br/.

Uma vez no site indicado acima, basta acessar a página do concurso do CRF/PE e clicar na opção “inscrições aqui”. Uma nova página contendo um formulário eletrônico irá aparecer no seu navegador. Assim que preencher o formulário, imprima o boleto referente à taxa de inscrição. A inscrição só será confirmada após o pagamento dessa taxa no valor de R$ 65,00 para cargos de nível médio/técnico e R$ 90,00 para nível superior.

Processo Seletivo

Quanto ao processo seletivo, saiba que o mesmo se dará em uma única etapa: prova escrita objetiva de múltipla escolha, de caráter eliminatório e classificatório. Para os interessados em cargos de nível médio/técnico, a prova objetiva escrita será composta por: 10 questões de Língua Portuguesa; 05 questões de Matemática; 05 questões de Noções de Informática; 05 questões de Legislação Geral; e 35 questões de Conhecimentos Específicos. A prova para os cargos de nível superior segue o mesmo esquema.

A expectativa, segundo destaca o edital oficial de abertura, é de que as provas sejam aplicadas em 22 de abril de 2018 das 09h00 às 13h00. Um detalhe importante é que o local exato para realização da prova será divulgado posteriormente através da área do candidato.

Edital Oficial

É bastante importante para o candidato fazer uma leitura detalhada do edital oficial de abertura. Através desse documento é possível encontrar todas as exigências e pré-requisitos para participar do certame, datas, cronograma completo, bem como informações referentes a recursos e apelações quanto ao resultado final do certame. Ele se encontra disponível no site paconcursos.com.br.

Por Bruno Henrique


Certame oferta 10 vagas de emprego para a função de Procurador.

Quem tem interesse em se preparar a fim de seguir a vida profissional no setor público com boa remuneração, pode obter aqui uma ótima notícia. No diário oficial do estado de Pernambuco de 17 de janeiro (quarta-feira), a Procuradoria Geral do Estado (PGE PE) lançou o edital do seu próximo certame.

As chances são para a função de procurador e o salário para quem ingressar na carreira é de R$ 13 mil. Para concorrer é necessário possuir formação de nível superior na área de Direito.

Confira outras informações do concurso público da PGE PE a seguir:

Sobre a inscrição

Para você se cadastrar no processo seletivo da PGE PE é necessário acessar o endereço eletrônico www.cespe.unb.br/concursos e preencher o formulário com seus dados pessoais. O prazo de início das inscrições terá início na data de 23 de janeiro (terça-feira) e se estende até o dia 2 de fevereiro (sexta-feira).

A taxa custa R$ 210 e o boleto pode ser pago em qualquer banco, lotérica ou agência dos Correios até o dia 9 de fevereiro (sexta-feira).

Caso você seja inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) saiba que pode solicitar isenção do pagamento das custas. Mas lembre-se que é até o dia 25 de janeiro (quinta-feira).

A empresa contrata para ser responsável pela organização do concurso é o Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe). Antes, essa banca era chamada de Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (CESPE / UnB).

Sobre as vagas na PGE de Pernambuco

No edital, há previsão de preenchimento de 10 vagas, sendo uma reservada exclusivamente para quem é portador de necessidades especiais (PNE). As chances oferecidas são para o cargo de Procurador do Estado de Pernambuco. A remuneração inicial é de R$ 13.648,64, além de benefícios, como por exemplo, gratificação de produtividade. A carga horária de trabalho é de 30 horas por semana.

Requisitos para ser procurador na PGE PE

Dentre as principais exigências para exercer a função de procurador no estado de Pernambuco estão: possuir diploma de graduação em Direito, emitido por instituição devidamente reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC), possuir cadastro ativo na ordem dos advogados do Brasil (OAB), ter idade mínima de 18 anos na data da posse, possuir nacionalidade brasileira, estar em dia com as obrigações eleitorais e militares, s for homem, não ter antecedente criminal, entre outros requisitos.

Fases do concurso

Os candidatos serão examinados nas seguintes etapas: 1) prova objetiva; 2) prova discursiva e 3) avaliação de títulos.

A prova de múltipla escolha será composta por 100 questões com 5 alternativas cada, sendo que apenas uma é correta. A data prevista para aplicação dessa prova é no dia 17 de março (sábado) à tarde. Os concorrentes terão 5 horas disponíveis para responderem aos quesitos e preencherem o cartão de resposta.

As matérias cobradas são: direito constitucional, previdenciário, tributário, financeiro, direito ambiental, administrativo, processual civil, penal, direito civil e empresarial, direito do trabalho e processual do trabalho.

Na avaliação discursiva, os candidatos devem elaborar um parecer e uma peça processual em 5 horas de prova. A data programada para essa fase é no dia 18 de março (domingo) no turno da manhã.

Já na avaliação de títulos, serão considerados: diploma de mestrado, doutorado, cursos de extensão universitária e especialização. Além disso, podem pontuar por comprovar as seguintes experiências: exercício de cargo ou função em instituições públicas, publicação de trabalhos jurídicos em periódicos, título de professor de Direito, arrazoados forenses e livros de própria autoria publicados no ramo da ciência jurídica.

Mais detalhes do certame da PGE PE

Saiba a respeito de outras informações do processo seletivo aqui www.cespe.unb.br/concursos.

O concurso terá validade de 2 anos, mas pode ser prorrogado por igual período, a partir da homologação, uma única vez e a critério do órgão.

Por Melisse V.


Seleção oferta 74 vagas para o cargo de Técnico Agrícola.

Uma das áreas que mais oferece emprego no Brasil é da agropecuária, devido a toda riqueza do solo brasileiro, que possui diferentes características, o que torna mais fácil o plantio, cultivo de diferentes espécies vegetais. Isso facilita que muitos empregos ligados ao campo possam ser oferecidos em todo o território nacional. E dessa vez, uma grande oportunidade foi anunciada pela Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária do estado de Pernambuco, pois, o órgão está com vagas abertas para o cargo de Técnico Agrícola. São mais de 70 oportunidades para diferentes localidades do estado. Para saber todas as informações sobre esse processo seletivo, leia o texto abaixo.

Ao todo vão ser oferecidas cerca de 74 oportunidades e o primeiro pré-requisito para a inscrição é que o candidato tenha formação técnica em Técnico Agrícola, com certificado para que possa provar que pode exercer a função sem nenhum problema. Desse total de vagas, cerca de 5% serão destinadas às pessoas que possuem alguma necessidade especial.

As vagas vão ser distribuídas para os seguintes municípios: Recife, Surubim, Serra Talhada, Salgueiro, Sertânia, Petrolina, Palmares, Ouricuri, Garanhuns, Caruaru e Sanharó.

Além disso, os interessados precisam atender a outros pré-requisitos que são: documento que comprove que ele possui experiência de, no mínimo, seis meses em técnico agrícola; Ser maior de 18 anos; Ser naturalizado brasileiro; Registro e regularidade junto ao Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura – CREA; Carteira Nacional de Habilitação na categoria B, ou seja, de automóvel; Para homens, estar quite com todas as suas obrigações dos serviços militares.

O processo seletivo para o cargo de Técnico Agrícola da Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária de Pernambuco vai ser realizado através de uma única etapa, que consiste na análise de currículo de todos os candidatos. Essa etapa vai ser de caráter eliminatório e classificatório. Nessa análise serão levados em conta alguns critérios:

– Diploma ou Declaração de conclusão de curso superior, emitida por instituição reconhecida pelo MEC. Pontuação deste item: 10 pontos.

– Cursos realizados para o desenvolvimento profissional, correlato à área de defesa ou inspeção sanitária agropecuária, no mínimo, 20 horas/aula. Pontuação deste item: 10 pontos. Pontuação máxima deste item: 40 pontos.

– Experiência comprovada no serviço público ou privado, na área de defesa ou inspeção sanitária agropecuária. Pontuação deste item: 10 pontos. Pontuação máxima deste item: 50 pontos.

As inscrições para esse cargo já estão abertas e podem ser efetuadas até o dia 05 de outubro de 2017. As inscrições podem ser feitas de duas maneiras diferentes. A primeira é através da internet, pelo seguinte endereço eletrônico: www.adagro.pe.gov.br. Para isso, o candidato vai precisar preencher o formulário de Inscrição presente no edital do concurso. A segunda maneira é realizar a inscrição pessoalmente ou ainda enviando os documentos pedidos no edital que o link foi divulgado acima, para a sede da Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária do Estado de Pernambuco – ADAGRO, que se localiza na Avenida Caxangá, nº 2200, bairro: Cordeiro, Recife – PE – CEP: 50711-000, no horário das 09h às 12h e também no horário das 14h às 16h. Colocando no envelope seu nome a que está se candidatando a uma das vagas para Técnico Agrícola. Não será cobrado o valor de taxa de inscrição para as pessoas que se inscreverem nesse processo seletivo.

A remuneração do cargo vai ser no valor de R$ 1.635,00 e a jornada de trabalho, de 40 horas semanais.

O concurso vai ter validade de dois anos, ou seja, 24 meses. Podendo o contrato ser estendido por mais seis anos. O resultado com os nomes dos aprovados vai ser divulgado no dia 20 de novembro de 2017, no site da Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária do Estado de Pernambuco – ADAGRO, que pode ser consultado através deste link: www.adagro.pe.gov.br.

Se você atende aos requisitos e quer participar, inscreva-se hoje mesmo.

Boa sorte!

Por Isabela Castro


ATI oferta 20 vagas de emprego em seu novo concurso público.

Se você está em busca de emprego pode conferir uma boa chance de trabalho aqui. No estado de Pernambuco, a Agência Estadual de Tecnologia da Informação lançou recentemente edital para seu processo seletivo que visa preencher 20 vagas. Há chances para profissionais com escolaridade de nível técnico e superior. Saiba como participar a seguir.

Inscrições Abertas

Quem deseja participar do processo seletivo simplificado deve se inscrever presencialmente ou por SEDEX, com aviso de recebimento (A). Anote o endereço da ATI: Gerência de Gestão de Pessoas, na Avenida Rio Capibaribe, número 147, bairro de São José, cidade de Recife – PE. CEP: 50.020-080. Quem vai pessoalmente até a agência deve ir ao primeiro andar, nos horários entre 8h30 e 12h e 13h e 16h30.

Além do formulário das inscrições, é necessário apresentar cópia dos seguintes documentos: RG, CPF, diploma da graduação ou declaração de conclusão do curso técnico, comprovante de residência, certificados e comprovantes de cursos a serem pontuados na avaliação curricular.

O prazo para cadastro teve início em 28 de agosto (segunda-feira) e se estende até 11 de setembro (segunda-feira). A inscrição é gratuita.

O edital foi publicado no Diário Oficial do Estado de Pernambuco de 26 de agosto de 2017, a partir da página 5.

Oportunidades

Há chances para os seguintes cargos: Analista de Negócios, Desenvolvedor Mobile, Analista de Infraestrutura em Datacenter, Desenvolvedor de Front-end/Web Designer, Arquiteto de Software, Analista de Infraestrutura de Redes, Administrador de Dados, Desenvolvedor, Testador/ Analista de Qualidade de Software. Há oportunidades reservadas para pessoas com necessidades especiais.

A remuneração oferecida é R$ 3,5 mil para Web Designer, que requer curso técnico, R$ 5,5 mil para arquiteto de software e R$ 4,5 mil para as demais funções.

Para todos os cargos a jornada de trabalho corresponde a 40h semanais. Além disso, os candidatos devem comprovar experiência de no mínimo seis meses na área em que pretende concorrer.

Confira as atribuições do analista de negócios: realizar estudos de viabilidade de negócios e inovações, participar de reuniões e definição de projetos, treinar usuários e mantenedores de sistemas, validar protótipo das interfaces, entre outras atividades.

Já o Desenvolvedor de Front-end/Web Designer é responsável por: padronizar o design dos sistemas web e mobile, desenvolver banners, animações e impressos, desenvolver e otimizar páginas Web e protótipos navegacionais, entre outras atribuições.

Processo de Seleção Simplificada

A avaliação curricular valerá 100 pontos. Para comprovar tempo de experiência serão considerados os seguintes documentos: Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS), declaração em papel timbrado da empresa, constando cargo, período trabalhado e atividades desenvolvidas ou contrato de prestação de serviços. No caso de quem possuir experiência no exterior, deve apresentar a certidão da instituição traduzida.

Os critérios de desempate são: tempo de experiência profissional, idade e ter sido jurado.

Saiba quais são os requisitos básicos para ser contratado: ser maior de 18 anos, estar em dia com as obrigações eleitorais e militares, não acumular cargos, empregos ou funções públicas.

O processo seletivo ocorrerá por avaliação curricular e análise de documentos. A validade da seleção é de 2 anos, podendo ser prorrogada por igual período a critério do órgão.

Os resultados finais serão divulgados em 16 de outubro (segunda-feira).

Quem for aprovado pode ser contratado por 1 ano, com chances de renovar até o prazo máximo de 6 anos.

Sobre a ATI

A Agência Estadual de Tecnologia da Informação é uma autarquia especial do Governo do Estado de Pernambuco. Foi criada em 2003 e qualificada com agência com vinculação à Secretaria de Administração (SAD).

Sua principal competência é coordenar e implementar o modelo de informática pública. Sua finalidade é propor soluções integradoras a fim de melhorar os serviços e informações estratégicas.

Se você tem interesse em participar, acesse o endereço eletrônico (www.cepe.com.br) e confira mais informações sobre a seleção.

Por Melisse V.


A Cespe/UnB será a banca organizadora do novo concurso público que ofertará vagas para o cargo de Agente Penitenciário do Estado de Pernambuco.

Um dos concursos previstos para este ano é o de Agente Penitenciário do estado de Pernambuco com 200 vagas. A organizadora já foi definida: Cespe/UnB. Para concorrer ao cargo, os interessados devem ter nível superior e também carteira de habilitação a partir da categoria B. A remuneração inicial é de R$ 2.200,00 e a carga horária de trabalho é de 24 horas de trabalho por 72h de repouso.

O próximo concurso deve ser composto pela fase de prova objetiva, discursiva, exame médico, teste físico, avaliação psicológica, investigação social e também curso de formação profissional. O último certame foi organizado em 2009 e na ocasião a banca foi o Instituto de Apoio à Universidade de Pernambuco (Iaupe). Além disso, o concurso contou com 500 vagas, sendo 400 para homens e 100 mulheres. Os candidatos foram avaliados por meio de prova objetiva com os seguintes conteúdos programáticos: português, informática, raciocínio lógico, além de conhecimentos específicos de direito constitucional, administrativo, penal, processual penal e direitos humanos.

Que tal aproveitar a oportunidade e começar a estudar para o concurso da Secretaria Executiva de Ressocialização? Com a organizadora definida, a expectativa é que o edital seja lançado ainda este ano. Por isso, não perca tempo e antecipe a sua preparação.

Por que devo começar a estudar antes do edital?

Após a publicação do documento, há pouco tempo para a prova. Por isso, é fundamental começar a estudar antes da publicação do edital, a fim de formar uma boa base de conhecimento. Neste sentido, depois é só focar exercício e revisão dos principais conteúdos programáticos.

Ao estudar antes da publicação do edital, o candidato está sendo estratégico. Ou seja, ele vai ter a oportunidade de conhecer melhor a organizadora, mapear as questões mais recorrentes que podem cair na prova, identificar os seus pontos fortes e fracos, principalmente, para saná-los.

Quando o edital for publicado, o candidato pode intensificar os seus estudos e fazer uma ampla revisão através de questões da organizadora. Assim, ele adquire mais autoconfiança, porque vai conseguir dominar melhor as disciplinas.

Portanto, não perca tempo e comece a sua preparação com teoria, revisão e exercício, sobretudo da banca Cespe/UnB, que é a organizadora do concurso. Muito sucesso e bons estudos.

Por Babi





CONTINUE NAVEGANDO: