Concurso Previsto TRF 3ª Região 2018 – Edital em Breve



Certame tem previsão de ofertar 243 vagas de emprego nas funções de Técnico e Analista nos Estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul.

Comece os estudos: previsto o edital do concurso do Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF 3), que abrange os estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul. Os cargos ainda não foram definidos, mas a expectativa é que o documento seja divulgado ainda este ano, no próximo semestre.

Que tal aproveitar a oportunidade e iniciar os seus estudos para o concurso TRF 3?



Concurso TRF 3: edital na expectativa

O edital está previsto para o próximo semestre e de acordo com o portal da transparência existem 243 cargos vagos para as funções de técnico e analista. Em São Paulo, existem 229 cargos vagos e no Mato Grosso do Sul, 14.

O concurso TRF 3 é esperado por causa de uma revelação, que foi feita juíza Luciana Zanoni, que é diretora do Foro, em que falou que o Tribunal tenta fazer uma reserva financeira de R$ 6 milhões a R$ 8 milhões, para a realização do certame. Assim, a prioridade seria a realização do concurso TRF 3.

Sobre os últimos concursos TRF 3

No ano de 2013, ocorreu o último certame para a área fim do Órgão. Na época, teve oportunidades para os cargos de Técnico Judiciário, na especialidade área administrativa, e também para Analista Judiciário, nas áreas Judiciária e também Oficial de Justiça Avaliador Federal, que tem remuneração inicial que pode chegar a R$ 15 mil.



A validade do concurso TRF 3 permanece apenas até junho e não será prorrogado. Este é mais um motivo pelo qual o tão concurso TRF 3 é aguardado.

O concurso TRF 3 contempla São Paulo e Mato Grosso do Sul e ofereceu no total 33 vagas, sendo todas para o estado de São Paulo. Para concorrer ao cargo de técnico, era necessário que o candidato tivesse nível médio e para analista, superior.

Além disso, em relação ao cargo de técnico, o concurso TRF 3 teve 13 vagas, sendo 12 para especialidade informática e edificações. A remuneração inicial para a função foi de R$ 6.177, 75. Para o cargo de analista, o concurso TRF 3 teve 20 vagas, sendo 12 para a especialidade de analista administrativo da área administrativa, em que para concorrer é necessário nível superior em qualquer área de graduação.

O concurso TRF 3 também contou com 1 vaga para o cargo de Analista na especialidade de biblioteconomia, 5 para a área de contadoria, 1 para engenharia elétrica e uma para medicina, clínica geral. Como são áreas específicas, o candidato tinha que ter nível superior na área pretendida e também o registro no conselho. As remunerações para as funções eram de R$ 9.615,80.

Na ocasião, os interessados foram avaliados por meio de provas objetivas que contavam 100 questões, além de provas de estudo de caso, que foram aplicadas para todos os cargos.

Como estudar para o concurso TRF 3?

Com edital previsto para o próximo semestre, o interessado deve começar a sua preparação o quanto antes com base no último documento divulgado, que pode ser acessado por meio do link: http://www.trf3.jus.br/documentos/sege/RING_-_Concursos/2013/Edital_de_abertura_e_retificacoes/Abertura_01-2013.pdf.

O último concurso TRF 3 foi organizado pela Fundação Carlos Chagas, e a banca do próximo certa ainda não está definida. Por isso, quando a organizadora for escolhida é fundamental fazer muitos exercícios para treinar, mapear as questões mais recorrentes, conhecer as pegadinhas e os assuntos mais cobrados, para dar prioridade nos estudos.

Elabore um planejamento para organizar a sua rotina e ajudar a definir as suas metas diárias. Coloque no seu cronograma os seus compromissos fixos durante a semana e defina o seu horário de estudo.

Na hora que for estudar, concentre-se e não permita que nada retire o seu foco. Desligue redes sociais, não acesse aplicativos no celular e mantenha o foco.

Compartilhe a notícia do concurso TRF 3 nas suas redes sociais e bons estudos!

Por Babi



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *